Memória dos Missionários da Panib

Fonte: “A Imigração Japonesa e a Evangelização dos Nipo-Brasileiros”, de Tetuo Fugita, Scortecci Editora, 2008.

Nasceu em Sapporo, Hokkaido em 1º de abril de 1909, e foi o quinto filho de pais budistas devotos.

Após receber os ensinamentos da doutrina católica, através do franciscano Frei Lukas Benning, foi batizado em segredo, em 1933, e desejando tornar-se sacerdote, emigrou-se  para o Brasil.

A bordo do navio África Maru, iniciou sua longa viagem de 51 dias, rumo ao Brasil. Após desembarcar no porto de Santos, veio para a capital paulista e dirigiu-se ao Colégio São Francisco Xavier, sendo recebido pelo Padre Guido Del Toro, ao qual lhe entregou a carta de apresentação que o Reitor da Universidade de Sofia de Tokyo tinha dado a ele e com quem esteve antes de embarcar para o Brasil.

Após dedicar-se aos estudos de português e latim, em 1936, ingressou no Noviciado dos Jesuítas, em Nova Friburgo, Rio de Janeiro, onde também concluiu o curso de Filosofia. Concluído o curso de Teologia em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, foi ordenado sacerdote, no dia 7 de setembro de 1945. Foi o primeiro sacerdote japonês ordenado no Brasil.

Estudou na Universidade Gregoriana, de Roma, quando defendeu a tese de doutorado, fazendo uma comparação entre a contemplação católica e zen.

Retornando ao Brasil, em  1951, Padre Takeuchi foi nomeado Reitor do Colégio São Francisco Xavier, em substituição ao Pe.Guido Del Toro, que foi destinado para trabalhar em outra Casa da Companhia de Jesus.

O Colégio, quando Padre Takeuchi foi nomeado Reitor, mantinha os cursos primário e ginasial (atual curso fundamental). Foi com ele que o Colégio passou a oferecer também o curso colegial (atual curso médio).

Em 1966, por Decreto do então Cardeal Arcebispo da Arquidiocese de São Paulo, Dom Agnelo Rossi, foi criada a Paróquia Pessoal Nipo Brasileira, tendo como Matriz a Igreja de São Gonçalo.

Como primeiro pároco dessa Paróquia foi nomeado O Padre Takeuchi, que permaneceu nesse cargo por 15 anos.

Padre Takeuchi foi o co-fundador da Assistência Social Dom José Gaspar, mantenedora do Jardim de Repouso São Francisco (Ikoi no Sono), em Guarulhos, juntamente com Da. Margarida Watanabe, e fundador da Pastoral Nipo-Brasileira, tendo sido seu Presidente nos anos de 1965 a 1967.

Foi também grande incentivador do Circulo Católico Estrela da Manhã, tendo fundado vários núcleos dessa entidade em diversas cidades dos estados de São Paulo e do Paraná.
Por mais de 40 anos,Padre Takeuchi comandou a Seibo Fujin Kai (Associação das Senhoras Católicas Japonesas Seibo), com sede na Igreja de São Gonçalo.

Aos 94 anos, Padre Takeuchi veio a falecer no dia 6 de junho de 2003, no Hospital Santa Helena, onde foi internado desde que foram constatadas obstruções nas coronárias, após complicação no sistema circulatório.


Recent Sermons

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *